Salário mínimo em Massachusetts aumenta para US$15 em 1º de janeiro de 2023

Wilson Smith

MinimumWageHikeRally_082219_C2N

A Procuradora-Geral Maura Healey está lembrando aos funcionários e empregadores que o salário mínimo do estado aumentará para US$ 15 por hora a partir de 1º de janeiro de 2023.

A Procuradoria-Geral também disponibilizou pôsteres de salários e horas que os empregadores são obrigados a exibir em inglês e em qualquer outro idioma falado por 5% ou mais da força de trabalho do empregador, e para o qual um aviso traduzido neste idioma está disponível no Escritório da Procuradoria. O pôster está disponível em sete idiomas e em formatos que empregadores, trabalhadores, membros do público e organizações podem acessar facilmente e gratuitamente.

“Por meio de ações de fiscalização, educação, divulgação e colaboração com nossos parceiros comunitários e agências governamentais, nossa Divisão de Trabalho Justo trabalha arduamente para garantir que trabalhadores e empregadores estejam cientes de seus direitos e obrigações perante a lei. Estamos emitindo este aviso para que todos os trabalhadores e empregadores estejam cientes do próximo aumento do salário mínimo em Massachusetts e para que o público saiba que meu escritório pode ajudar com qualquer dúvida”, disse a Procuradora-Geral Healey.

Em junho de 2018, Massachusetts promulgou uma lei que estabelece o aumento do salário mínimo a cada ano até atingir US$ 15,00 em 2023. Os funcionários com gorjeta também receberão um aumento em 1º de janeiro de 2023, e devem receber um mínimo de US$ 6,75 por hora, desde que suas gorjetas os levam a pelo menos US$ 15 por hora. Se o valor total da hora do funcionário, incluindo as gorjetas, não for igual a US$ 15 no final do turno, o empregador deverá compensar a diferença.

Cópias gratuitas do cartaz de Salários e Horas da Procuradoria estão disponíveis em inglês, chinês, crioulo haitiano, khmer, português, espanhol e vietnamita no site da Divisão de Trabalho Justo da Procuradoria para download e impressão. Para solicitar uma cópia em papel, visite www.mass.gov/ago/fldposter ou ligue para (617) 727-3465. Os empregadores em Massachusetts devem afixar o cartaz de salário e horas da Procuradoria em um local visível no local de trabalho em inglês e em qualquer outro idioma usado por mais de 5% de sua força de trabalho.

A Divisão de Trabalho Justo da Procuradoria-Geral aplica leis que protegem os trabalhadores, incluindo salário mínimo, pagamento pontual de salários, horas extras, licença médica ganha, trabalho infantil, pagamento de prêmio aos domingos e feriados, licitação pública de construção e leis salariais vigentes. Também protege os funcionários da exploração e do roubo de salários por meio de parcerias sólidas e da educação da comunidade.

Os trabalhadores que acreditam que seus direitos foram violados no local de trabalho podem registrar uma reclamação em www.mass.gov/ago/fld ou ligar para a Fair Labor Hotline do escritório no (617) 727-3465.

Termos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp