Baker ordena multas a turistas que não se colocarem em quarentena

Marcony Almeida

ago

Massachusetts imporá novas restrições aos viajantes da maior parte dos Estados Unidos na próxima semana, ameaçando multas de US $500 por dia para quem não se colocar em quarentena ou provar que testou negativo para o COVID-19, anunciou hoje o governo Baker.

Sob a nova ordem executiva do governador Charlie Baker, qualquer pessoa que entrar em Massachusetts precisará preencher um formulário resumindo sua viagem e se auto-isolar por 14 dias após a chegada ou enviar resultados negativos para o vírus altamente infeccioso com mais de 72 horas.

A nova política que entra em vigor em 1º de agosto é uma intensificação de um aviso do governo que está em vigor há meses, acrescentando mecanismos de fiscalização à medida que novas infecções continuam a surgir em estados fora do nordeste. Indivíduos que não seguirem a ordem de quarentena obrigatória podem ser multados em US$500 por dia.

As viagens para estados considerados de baixo risco – definidas como tendo uma taxa de casos diária inferior a seis pessoas por 100.000 habitantes e uma taxa de teste positiva abaixo de 5% – serão isentas das políticas de quarentena ou teste. Atualmente, oito estados estão nessa lista: Maine, New Hampshire, Vermont, Rhode Island, Connecticut, Nova York, Nova Jersey e Havaí.

Os residentes e visitantes de Massachusetts, incluindo estudantes universitários que vão para o campus para o início de seus semestres de outono, devem cumprir as novas regras.

Termos

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

3 + 8 =