Saúde Pública alerta sobre contaminação de alface, antes do Thanksgiving

Marcony Almeida

06-07 - Robbie

Duas pessoas em Massachusetts foram infectadas com E. coli como parte de um surto de vários estados ligados à alface romana, de acordo com o Centros de Controle e Prevenção de Doenças – Centers for Disease Control and Prevention, que estão advertindo contra comer, servir ou vender alface romaine.

Trinta e duas pessoas de 11 estados foram infectadas com a doença, com problemas iniciados em datas que vão de 8 a 31 de outubro, informou o CDC em um alerta. A Agência de Saúde Pública do Canadá também identificou 18 casos nas províncias de Ontário e Quebec, e o CDC disse que as evidências em ambos os países indicam que a alface romana é uma fonte provável.

Como “nenhum cultivador, fornecedor, distribuidor ou marca comum de alface romana foi identificado” em conexão com o surto, o CDC está aconselhando os consumidores a evitar a alface romana, inclusive jogando fora em sua casa e higienizando as prateleiras da geladeira onde a romaina foi armazenada.

“Este conselho inclui todos os tipos ou usos de alface romana, como cabeças inteiras de alface romana, corações de alface romana e sacos e caixas de alface pré-cortada e misturas para salada que contenham alface, incluindo alface de bebê, mix de primavera e salada Caesar” orienta o  alerta público. O CDC recomenda que qualquer pessoa com sintomas de uma infecção por E. coli converse com seu médico e anote o que comeu na semana anterior à doença.

Termos

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

10 + 18 =

P.O. Box 490543
Everett, MA 02149

Publicidade e Anúncio

© Copyright 2017 | Brazilian J. Magazine
All rights reserved