Mulheres prontas para alcançar novo recorde na legislatura de Massachusetts

Marcony Almeida

ago (14)

A eleição de sete novas deputadas estaduais esta semana irá aumentar a representação feminina na State House, em Boston, para um novo recorde na próxima sessão. Sessenta e duas mulheres – uma dúzia no Senado e 50 na Assembleia do Estado – ganharam as eleições na terça-feira, o que significa que as mulheres deverão deter 31% das 200 cadeiras do Legislativo quando o novo mandato de dois anos começar no dia 6 de janeiro de 2021.

Contando a rotatividade que ocorreu por meio de eleições especiais, as fileiras de legisladores do sexo feminino no próximo ano serão cinco a mais do que o recorde anterior de 57 no início desta sessão, que ocorreu em 2019, aumentando em 10 o número de assentos ocupados por mulheres em relação a 2017, que era de 52.

De acordo com o Massachusetts Caucus of Women Legislators, um total de 213 mulheres e mais de 20.000 homens serviram no Legislativo. As primeiras mulheres que foram eleitas para a Câmara de Massachusetts foram as deputadas Sylvia Donaldson de Brockton e Susan Fitzgerald de Jamaica Plain em 1923, e a senadora Sybil Holmes de Brookline foi a primeira mulher eleita para o Senado estadual, 14 anos depois.

As mulheres representam 51,5% da população de Massachusetts, de acordo com o U.S. Census Bureau. Nenhuma mulher no cargo perdeu sua candidatura à reeleição este ano, e uma mulher – a democrata de Lowell Vanna Howard – tomou o lugar de um titular do sexo masculino, o deputado David Nangle, nas primárias de setembro.

As outras seis representantes eleitas, todas democratas, reivindicaram cadeiras abertas: Jessica Giannino de Revere, Erika Uyterhoeven de Somerville, Patricia Duffy de Holyoke, Brandy Fluker Oakley de Boston, Meg Kilcoyne de Northborough e Sally Kerans de Danvers.

Kilcoyne será a primeira mulher a ocupar a 12ª cadeira no distrito de Worcester, e Kerans é uma ex-representante que serviu em Beacon Hill nos anos 90. Quando Kerans iniciou seu primeiro mandato em 1991, havia 38 mulheres no Legislativo estadual.

A divisão do partido na Câmara entre as mulheres no novo mandato é de 44 democratas, cinco republicanas (Reps. Kimberly Ferguson de Holden, Susan Gifford de Wareham, Sheila Harrington de Groton, Hannah Kane de Shrewsbury e Alyson Sullivan de Abington) e uma legisladora independente, Athol Rep. Susannah Whipps.

No Senado, todas as 12 mulheres que disputaram o cargo são democratas, incluindo a presidente do Senado, Karen Spilka, de Ashland. A última mulher republicana a ocupar uma cadeira no Senado estadual em Massachusetts foi Jo Ann Sprague, de Walpole, que optou por não buscar a reeleição em 2004.

 

Termos

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

9 + seis =