Cresce em 38% apreensão de famílias imigrantes na fronteira dos EUA

Marcony Almeida

border-patrol-1

O número de famílias migrantes presas por entrarem ilegalmente nos Estados Unidos disparou 38% em agosto, de acordo com as estatísticas divulgadas, hoje (12), pelo Departamento de Segurança Interna (DHS, sigla em inglês).

Agentes da Patrulha da Fronteira apreenderam cerca de 13 mil membros de “unidades familiares” no mês passado, segundo os dados mais recentes, e considerado elevado para o mês de agosto já registrado.

Os números de migração ilegal para os EUA geralmente aumentam em agosto depois de um período calmo no verão. No geral, o número de estrangeiros apreendidos ou considerados “inadmissíveis” nas passagens de fronteira subiu para 46,560 em agosto, superando os 39,953 de julho.

Funcionários do Departamento de Segurança Interna disseram que a chegada de tantas famílias se deve a restrições impostas pelo tribunal, limitando a duração das crianças que podem ser detidas em prisões de imigração. O resultado, segundo as autoridades, é que os pais trazem as crianças como uma forma de obter uma libertação rápida da custódia do governo e evitar a deportação.

“Os números continuaram a aumentar porque essa é uma via bem conhecida para chegar aos Estados Unidos e poder permanecer”, disse à imprensa o comissário de alfândega e proteção de fronteiras Kevin McAleenan, chamando a tendência de “uma crise de proporções significativas, de uma perspectiva humanitária”.

Termos

Compartilhe

P.O. Box 490543
Everett, MA 02149

Publicidade e Anúncio

© Copyright 2017 | Brazilian J. Magazine
All rights reserved