Mês de combate à violência doméstica começa com grandes eventos

Marcony Almeida

maps

A Massachusetts Alliance of Portuguese Speakers (MAPS) associou-se à campanha nacional do Mês de Combate à Violência Doméstica com vários eventos comunitários, incluindo uma série de lições de ténis com sobreviventes de violência doméstica com o objetivo de promover a autoestima.

No domingo, dia 20 de outubro, entre o meio-dia e as 2 pm, no Shedd Park, em Lowell, a MAPS lança “Topspin With a Purpose”, uma lição de ténis para iniciantes, onde participarão vários sobreviventes de violência doméstica e funcionários da MAPS, promovida por João Corga, assistente social da organização. O objetivo, de acordo com Dulce Ferreira, MA, Diretora do Programa de Violência Doméstica e Abuso Sexual da MAPS, é a promoção do empoderamento e autocuidado através da aquisição de novas habilidades e do exercício físico. “O exercício físico e aprender novas habilidades são excelentes ferramentas para aumentar a autoestima,” disse Ferreira. “Nós trabalhamos regularmente com sobreviventes para aumentar a sua autoestima e ajudar a recuperar a confiança, e aprender um novo desporto é uma forma divertida de conseguir isso.”

No sábado, dia 5 de outubro, a assistente social da MAPS Helena Mancini vai moderar uma conversa com um grupo de idosos sobre relacionamentos saudáveis, na paróquia de Nossa Senhora de Fátima, em Peabody, MA, e no dia 26 de outubro, entre as 2 e as 6 pm, a assistente social Fania Resendes vai realizar uma apresentação sobre violência doméstica durante um “Chá de Mulheres” na Igreja de São José, em Worcester, MA.

No dia 27 de outubro, a MAPS junta-se à Casa Myrna, ao Family Nurturing Center, à esquadra do distrito C-11 do Boston Police Department, e a um grupo de assistentes sociais cabo verdianas para o evento “Paint the Town Purple”, na Igreja de São Patrício em Roxbury, às 11 am. O tema deste ano é “Vida, Amor e Relacionamentos”.

Nas redes sociais, a MAPS vai adaptar a campanha “Dicionário da Violência Doméstica” – um projeto da National Network to End Domestic Violence (NNEDV) – para os falantes de Português e Crioulo de Cabo Verde, postando diariamente um conceito relacionado com violência doméstica, e os recursos disponíveis para as vítimas deste crime.

“A disponibilidade de recursos, aliada a um maior entendimento destes assuntos e um envolvimento mais forte de todos nós pode ter um impacto importante na prevenção,” disse Ferreira. “Isto requer que todos nós ignoremos o desconforto que falar sobre este tema pode causar, e que prestemos atenção às pessoas que nos são queridas, aos nossos vizinhos, e aos membros das nossas comunidades.”

A MAPS integra desde longa data a Jane Doe Inc., a coligação estadual de organizações de combate à violência doméstica e abuso sexual, e presta apoio cultural e linguisticamente adequado a sobreviventes através dos seus escritórios em Cambridge, Brighton, Dorchester, Framingham e Lowell, de forma gratuita e confidencial. Para saber mais, visite www.maps-inc.org.

Termos

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Deixe uma resposta

seis − três =

P.O. Box 490543
Everett, MA 02149

Publicidade e Anúncio

© Copyright 2017 | Brazilian J. Magazine
All rights reserved