“Caos em todo o trânsito”, afirma governo com fechamento do metrô

Wilson Smith

AGF

De acordo com o principal funcionário rodoviário do Estado, o tráfego rodoviário será “severo” durante o desligamento da Orange Line por 30 dias, os efeitos podem começar a aparecer já na segunda-feira (22), quando as autoridades locais e estaduais começarem a abrir espaço adicional para ônibus antes do fechamento da noite de sexta-feira (19).

Quatro dias antes da região metropolitana de Boston entrar em território desconhecido, funcionários do governo da MBTA e Baker disseram esperar que as dores de cabeça sejam quase onipresentes em diferentes modos de viagem para trabalhadores, estudantes, visitantes e empregadores.

Os passageiros podem pegar o trem suburbano nas Zonas 1, 1A e 2 exibindo um CharlieCard ou CharlieTicket. A MBTA também operará ônibus gratuitos nas extremidades norte e sul da Linha Laranja e incentivará os passageiros a se transferirem para a Linha Verde podendo assim chegar mais rápido ao serviço no Centro da cidade.

A adição de uma frota de ônibus de substituição às estradas, já notoriamente entupidas irá agravar ainda mais o tráfego. O administrador da rodovia, Jonathan Gulliver alertou os atuais usuários de T para não usarem os carros particulares. “Sei que alguns dos usuários de transporte público podem estar pensando em dirigir como alternativa aos ônibus, garanto que essa não é uma boa opção. Aconselho a todos procurarem outras opções de transporte público”, finalizou Gulliver.

As mudanças estão em andamento no nível local. Estamos buscando liberar espaço adicional para os ônibus circulares manobrarem e viajarem mais livremente. Gulliver, disse ainda, que “Deixará a capacidade rodoviária em algumas áreas efetivamente reduzidas pela metade”, finalizou o administrador da rodovia.

 

Termos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp