Adversidades, superação e sobrevivência

A adversidade está ligada ao infortúnio e a palavra lembra desgraças, imprevistos, aborrecimento e impedimentos. A humanidade desde o principio da sua existência sempre luta arduamente contra as adversidade físicas e emocionais do planeta no que se refere às catástrofes climáticas, territoriais, religiosas, políticas, culturais e sociais. São enormes as adversidade que enfrentamos e temos que superá-las para a nossa sobrevivência e perpetuação da nossa espécie.  Os problemas chegam para todos nós, e é necessário termos consciência, flexibilidade e muita reflexão para superarmos as adversidade. O impossível está sempre no caminho dos que tentam abrir espaços na vida pelo sobrevivência nesse mundo caótico.

Na maioria das vezes, as dificuldades são enormes e pensamos que não poderemos encontrar uma saída para essas adversidades. Ficamos muito cansados e pensamos que já chega, já temos o bastante.  É nesse momento que precisamos nos afastar dos problemas e descansar nossas cabeças da cadeia de pensamentos que não nos ajudam. Aceitar nossos limites é um bom começo. É reconfortante e apaziguador pensar e acreditar que por mais que você se esforce não consegue mudar ninguém. Cada indivíduo é único, e a perseverança e vontade de superação das dificuldades que encontramos diariamente nos nossos caminhos nos ajudam algumas vezes a vencer as adversidades.

Para os que acreditam e tem fé, a oração costuma ajudar para a superação e aceitação das impossibilidades.  Muitas vezes temos que nos adaptar às circunstâncias e mudar o rumo do que definimos previamente, como nosso objeto de vida. De acordo com o psiquiatra e psicanalista Jacques Lacan (1901-1981), a estrutura do sujeito é mesmo barrada, e a falta existe para todos. A lógica da psicanálise é a lógica da incompletude. Diferente da teoria de acreditar na onipotência do pensamento, que tudo vai dar certo, “é so pensar positivamente”. Lacan nos ensina sobre a falta, porque o sujeito é limitado. Sempre lhe falta algo. Nós, humanos, somos insatisfeitos por natureza.

Para sobrevivermos como humanidade, temos constantemente que nos adaptar às adversidades e estamos fazendo isso desde que biblicamente falando perdemos o paraíso. Basta darmos uma olhada nos noticiários diários para entendermos: catástrofes climáticas, guerras, insegurança alimentar e abrigo são as nossas principais preocupações. Que Deus tenha misericórdia de nós que lutamos diariamente pela superação e sobrevivência das adversidades da vida!

Share on facebook
Share on twitter
Share on email
Share on whatsapp

P.O. Box 490543
Everett, MA 02149

Publicidade e Anúncio

© Copyright 2017 | Brazilian J. Magazine
All rights reserved