Taxa de desemprego cai para 9,6%

Marcony Almeida

ago

A taxa de desemprego do estado caiu um dígito em setembro, depois de passar cinco meses acima de 10%, com os empregadores relatando a adição de 36.900 empregos. Massachusetts continua sua recuperação econômica após a repentina recessão infligida pelo COVID.

As autoridades trabalhistas do Estado anunciaram hoje, que a taxa de desemprego caiu para 9,6% em setembro, 1,8 pontos percentuais abaixo da taxa revisada de agosto de 11,4%.

A taxa de desemprego do estado é agora a mais baixa desde março, o último mês com dados que não refletiam totalmente as demissões em massa causadas por paralisações impostas pelo governo e mudanças em grande escala no comportamento do consumidor para evitar riscos à saúde pública.

Os últimos dados de desemprego relatados nos EUA constataram uma taxa de 7,9% em setembro.

Embora ainda seja substancial, o ritmo de crescimento do emprego desacelerou em setembro, com 36.900 novos empregos relatados no mês passado, de acordo com dados do Bureau of Labor Statistics com base em uma pesquisa com donos de negócios, comparando com o aumento de 62.500 empregos em agosto.

A pesquisa feita com os empresários estima que o número total de empregados no mês de setembro em Massachusetts seja cerca de 3,34 milhões. Embora as empresas tenham relatado cinco meses consecutivos de aumento de empregos, os cerca de 320.000 empregos adicionados desde abril representam um pouco menos da metade dos 690.000 perdidos em março e abril.

Os maiores ganhos de empregos em setembro vieram em serviços de educação e saúde, que adicionaram 11,1 mil vagas, e na indústria de lazer e hotelaria, que somou 10.800. Lazer e hotelaria enfrentaram os maiores cortes das 10 categorias contabilizadas: desde setembro de 2019, o setor perdeu mais de um terço de seus funcionários.

A administração pública de Massachusetts teve uma baixa de 12.300 empregos em setembro, de acordo com o Escritório Executivo de Trabalho e Desenvolvimento da Força de Trabalho do estado.

Os pedidos de seguro-desemprego semanais flutuaram nos últimos meses, após um forte aumento durante a primavera, mas esses números também permanecem elevados em comparação aos níveis pré-pandêmicos.

 

Termos

Compartilhe

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on whatsapp

Deixe uma resposta

9 + dezoito =