Family Dollar é multada por violações trabalhistas

Wilson Smith

AGO (2)

A Procuradora-Geral de Massachusetts, Maura Healey, anunciou hoje que a Family Dollar foi multada em US$ 1,5 milhão por violar leis estaduais que regularizam os intervalos das refeições dos trabalhadores.

A Procuradoria-Geral do Estado aplicou multas na rede americana porque os trabalhadores estavam exercendo suas funções por 6 horas ininterruptas, sem tirar pelo menos 30 minutos para fazer uma refeição, que é assegurado por lei. Essa conduta estava afetando 620 funcionários em 100 locais de Massachusetts, a maioria das unidades estão situadas em bairros de baixa renda. A Family Dollar, é uma empresa sediada na Virgínia, e emprega cerca de 900 pessoas em suas lojas de Massachusetts e ao todo opera mais de 15.000 lojas no país.

A Divisão de Trabalho junto da Procuradoria-Geral do Estado começou a investigar a Family Dollar depois de receber várias denuncias, constando que os funcionários não tinham intervalos adequados para as refeições devido à falta sucessiva de pessoal. Os investigadores conseguiram detectar que, de 2018 a 2019, a empresa cortou rotineiramente as horas da folha de pagamento, deixando as lojas com equipes muito reduzidas. Isso resultou em centenas de funcionários impossibilitados de tirar intervalos.

Em Massachusetts as leis de pausas e folgas garantem aos trabalhadores o direito de no mínimo 30 minutos de intervalo, a cada seis horas trabalhadas por dia. Durante esta pausa assegurada por lei, os trabalhadores devem ser dispensados ​​de suas funções e ter permissão para deixar o local de trabalho. Qualquer exigência de permanência nas dependências da loja é considerada tempo de trabalho e uma violação da lei.

“Os trabalhadores dedicam seu tempo, energia e esforços para manter os negócios funcionando, assegurando que a economia continue ativa”, disse a Procuradoria-Geral do Estado. “Essas multas são um alerta para que todas as empresas compreendam que é necessário agir corretamente com os seus funcionários, fornecendo os intervalos para as refeições como é garantido na lei”, finaliza.

Termos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Leave a Reply

Your email address will not be published.