Brazilian Magazine

O que Putin quis dizer com ‘ninguém sobreviveria a uma guerra entre Rússia e EUA’?

Em entrevista ao famoso diretor Oliver Stone, o presidente russo foi perguntado quem dominaria em uma guerra entre Rússia e EUA. A resposta de Putin foi clara e lacônica.

“Não acredito que alguém sobreviveria [com tal conflito]”, afirmou Putin.

A versão completa da entrevista será publicada em entre 12 e 15 de junho nos EUA.

“The Putin Interviews”“The Putin Interviews” is a 4-hour audacious climax to my strange life as an American filmmaker….

Posted by Oliver Stone on Monday, May 22, 2017

 

Levando em consideração que a Rússia e os Estados Unidos são duas potências com armas nucleares, tanto estratégicas quanto táticas, fica evidente que em caso de alguma escalada, este conflito afetará toda a humanidade.

A história mundial já foi testemunha de algumas crises nas relações russo-americanas, mas as partes sempre conseguiram se conter e evitar os conflitos devastadores.

 

Por Flávio Perez
flavio@brazilianmagazine.net
Direto da Redação

Putin sabe algo sobre Trump que este não quer tornar público?

O presidente russo, Vladimir Putin, pode possuir “alguma informação” sobre Donald Trump que o próprio presidente dos EUA não gostaria de tornar pública, afirmou a jornalista da NBC, Megyn Kelly, que mais cedo conseguiu fazer uma grande entrevista com o líder russo.

“Eu não diria que Putin goste de Trump. Eu não vi isso nele, mas tive a impressão que ele sabe algo sobre Trump”, disse Megyn, citada pela edição The Hill. Porém, a jornalista não explicou por que é que tinha tirado essa conclusão. Ela adiantou, ademais, que, caso Moscou realmente tenha alguma informação sobre Trump, é pouco provável que ela esteja de algum modo relacionada com o dossiê polêmico sobre “dados comprometedores”.

“Acredito que se trate de dinheiro e negócios de Trump com os russos na década de 90, e quanto aos seus ativos aqui, nos EUA”, sugeriu.

Procurador independente especial, Robert Mueller, está realizando a investigação da alegada intervenção de Moscou nas eleições norte-americanas e de supostas ligações entre o presidente dos EUA, Donald Trump, e a Rússia. Estas versões são descartadas tanto pela Casa Branca quanto pelo Kremlin.

Em uma entrevista pessoal a Megyn Kelly, Vladimir Putin assegurou que a Rússia não tinha nenhum motivo para interferir nas eleições estadunidenses, enquanto os próprios EUA nem sequer escondem sua interferência no processo eleitoral na Rússia.

 

Por Flávio Perez
flavio@brazilianmagazine.net
Direto da Redação / Com informações The Hill