21/03/2017 - 09:48

MA pode perder $2 bilhões com plano republicano de reforma de saúde


A briga política já vem acontecendo há muito tempo, e com a vitória geral dos republicanos nas urnas em novembro passado, a primeira meta era cancelar a lei de saúde Affordable Care Act, conhecida como Obamacare. Os republicanos então apresentaram um plano, mas o projeto de lei vai custar caro para os mais pobres. Só o estado de Massachusetts poderá perder mais de $2 bilhões com verbas para assistência de saúde para os mais pobres, incluíndo imigrantes.

O governador Charlie Baker, também republicano, enviou carta hoje aos membros do congresso pedindo que não aprovem o projeto do seu partido porque os estado poderá não mais tornar disponível o MassHealth para residentes de baixa renda. Segundo a Secretaria de Saúde, quase 2 milhões de moradores do estado, incluíndo idosos, deficientes e outros de baixa renda recebem cobertura do plano de saúde público. “Se aprovado o projeto do jeito que está, essa cobertura estará em risco”, disse o governador.

O MassHealth é financiado por uma combinação de verbas públicas estadual e federal. A câmara dos deputados deve votar no projeto essa semana, onde depois seguirá para o senado. Ainda é incerta a aprovação final do texto.



COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA