11/03/2017 - 16:33

Clima de insegurança com imigração deve prejudicar Censo


O Secretário de Estado de Massachusetts, Bill Galvin, responsável pelas eleições, censo, registro de empresas e outras regulações no estado disse a deputados e senadores, essa semana, que o censo de 2020 está “ameaçado” devido as políticas de imigração de Donald Trump. Em depoimento numa audiência pública onde Galvin pediu mais verbas para sua Secretaria, ele disse que o estado poderá se prejudicar com a contagem do censo federal de 2020 porque os imigrantes deverão ficar com medo de responder as perguntas, por acreditarem que as informações poderão ser repassadas à Imigração.

“Quando você tem um clima de medo e ansiedade lá fora, vamos ser honestos, a gente tem visto pessoas com Green Card, presentes legalmente no país, com medo e dúvidas sobre o seu status imigratório, imagine os indocumentados” disse Galvin à imprensa. “Você então vai enviar agentes do censo para os moreadores imigrantes e dizer, “Oi, eu sou do governo federal, você pode me dizer onde você mora…?”, citou o secretário. “É claro que os imigrantes indocumentados não vão querer responder. E isso me preocupa imensamente”.

Segundo Galvin, por lei, as informações do censo não são divididas com a Imigração. “Os indocumentados também usam transportes públicos, escolas, acesso à saúde, segurança pública… E se nós não tivermos uma contagem correta de quantos moradores nós realmente temos no estado, independente de status imigratório, perderemos milhões de dólares em verbas federais e todo mundo será prejudicado, americano e imigrante”, enfatizou.

O Censo, que acontece a cada 10 anos, só começará em 2020, mas os estados já estão se preparando para a contagem. Massachusetts poderá perder verbas públicas federais se a contagem do Censo não mostrar quantas pessoas, realmente, vivem no estado. “Vamos fazer tudo o que pudermos para trabalhar com a comunidade imigrante e convencê-los que o Censo não tem nada a ver com Imigração”, finalizou Bill Galvin. “Precisamos de uma contagem correta”. Segundo a última pesquisa, o estado tem 6.794,422 moradores.



COMPARTILHE ESSA NOTÍCIA